5 Benefícios do exercício aeróbio na dor lombar crônica

O exercício aeróbico é definido como uma forma de exercício físico com intensidade relativamente baixa que depende predominantemente do processo gerador de energia aeróbia (1). Muitos ensaios clínicos e uma revisão sistemática mostraram que o exercício aeróbio é seguro e eficaz no tratamento da dor lombar crônica, particularmente na diminuição da dor e aumento da capacidade aeróbica, o que pode afetar significativamente o desfecho clínico destes pacientes (2, 3, 4).

Há evidências de que a terapia de exercícios aeróbicos, particularmente em sua forma de intensidade moderada a alta, não só reduziria a dor, a incapacidade e a tensão psicológica em pacientes com dor lombar crônica, mas também atuaria na maioria dos sistemas corporais, o que poderia ser efetivo na melhoria dos sintomas clínicos (5, 6).

Em relação a dor, demonstrou-se que esse tipo de exercício pode ser benéfico no tratamento da dor lombar crônica por 5 aspectos:

Primeiro: exercícios aeróbios têm mostrado uma redução na percepção de dor dos indivíduos com dor lombar crônica (7).

Segundo: ao apresentar uma carga suficiente para a realização do efeito de treinamento, o exercício aeróbio pode minimizar o sobrecarga da coluna na menor carga possível (8), inclusive gerando melhor hidratação e relaxamento do disco em atividades de impacto como a corrida de longa distância (9).

Terceiro: o exercício aeróbio funciona de forma significativa no aprimoramento da capacidade oxidativa dos músculos esqueléticos humanos e na promoção do controle e coordenação neuromotora (10).

Quarto: ao melhorar a resistência, força e prevenir a fadiga, o exercício aeróbio pode evitar a inadequação da mecânica corporal causada por músculos cansados ​​e reduzir a dor lombar de origem mecânica (11).

Quinto: o exercício aeróbio pode ativar o sistema de modulação de dor do Sistema Nervoso Central (SNC), gerando a hipoalgesia induzida por exercício, através do aumento no nível de vários neurotransmissores como serotonina, acetilcolina, norepinefrina e a dopamina (12).

Acho que são justificativas suficientes para inserir o exercício aeróbio no tratamento da dor lombar crônica. Que tal inovar sua sessão colocando seu paciente com dor lombar crônica na esteira ou na bicicleta?

Receba as novidades de ciência e saúde por email! Clique aqui para se cadastrar!

REFERÊNCIAS

1 Schreuder L, Peters G, Nijhuis-van der Sanden R, et al: Aerobic exercise in children with oxidative phosphorylation defects. Neurol Int 2010;2:e4

2 Tritilanunt T, Wajanavisit W: The efficacy of an aerobic exercise and health education program for treatment of chronic low back pain. J Med Assoc Thai 2001;84(suppl 2):S528-33

3 Chan CW, Mok NW, Yeung EW: Aerobic exercise training in addition to conventional physiotherapy for chronic low back pain: A randomized controlled trial. Arch Phys Med Rehabil 2011;92:1681-5

4 Meng XG, Yue SW. Efficacy of aerobic exercise for treatment of chronic low back pain: a meta-analysis. Am J Phys Med Rehabil. 2015 May;94(5):358-65.

5 Chatzitheodorou D, Kabitsis C, Malliou P, et al: A pilot study of the effects of high-intensity aerobic exercise versus passive interventions on pain, disability, psychological strain, and serum cortisol concentrations in people with chronic low back pain. Phys Ther 2007;87:304-12

6 Kell RT, Asmundson GJ: A comparison of two forms of periodized exercise rehabilitation programs in the management of chronic nonspecific low-back pain. J Strength Cond Res 2009;23:513-23

7 Hoffman MD, Shepanski MA, Mackenzie SP, Clifford PS. Experimentally induced pain perception is acutely reduced by aerobic exercise in people with chronic low back pain. J Rehabil Res Dev. 2005;42(2):183-90.

8 Tawashy AE, Eng JJ, Krassioukov AV, et al: Aerobic exercise during early rehabilitation for cervical spinal cord injury. Phys Ther 2010;90:427-37

9 Belavý, D. L. et al. Running exercise strengthens the intervertebral disc. Sci. Rep. 7, 45975; doi: 10.1038/srep45975 (2017).

10 Konopka AR, Douglass MD, Kaminsky LA, et al: Molecular adaptations to aerobic exercise training in skeletal muscle of older women. J Gerontol A Biol Sci Med Sci 2010;65:1201-7

11 Voet NB, van der Kooi EL, Riphagen II, et al: Strength training and aerobic exercise training for muscle disease. Cochrane Database Syst Rev 2010;20:CD003907

12 Cunha CO et al. Exercício aeróbico ajuda no tratamento da dor crônica? Rev Dor. São Paulo, 2016 jan-mar;17(1):61-4

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s